5 concertos e festivais que não podes perder em 2019

0
0
0
s2sdefault

No novo ano, Portugal recebe bons concertos com estreias e clássicos que não vais querer deixar passar. Aponta já na agenda e fica atento às surpresas que ainda podem surgir em cartaz!

 Tremor - Ilha de São Miguel, Açores

Resultado de imagem para tremor açores

9-13 de Abril 2019
Passe Geral: 40€

Se ainda não conheces os Açores, o festival Tremor é uma excelente oportunidade para descobrir o mais belo cantinho do nosso país, usufruir dos seus recantos e paisagens e assistir a bons concertos de Pop Dell'Arte, Moon Duo, Lula Pena, ZA!, The Sunflowers e ainda de projetos insulares, como a Escola de Música de Rabo de Peixe. Funde-te com a natureza e a música no meio do Oceano Atlântico!

KAMASI WASHINGTON 

Hard Club Porto, 10 de maio
Lisboa ao Vivo, 11 de maio
Bilhetes a 30€ e a 35€

É ao comando do saxofone que Kamasi Wshington lidera uma verdadeira revolução musical. O jazz já não é o mesmo depois de álbuns como 'Heaven and Earth', de 2018. Ouve 'Street Fighter Mas' e tudo fará sentido! Quando tiveres totalmente rendido, corre para a bilheteira para conseguires bilhetes para o ver no Porto ou em Lisboa, em maio, na sua segunda vinda a Portugal.

Ornatos Violeta

Resultado de imagem para ornatos violeta

NOS Alive, Oeiras
11 de julho

Bilhete diário a 65€

MEO Marés Vivas, Gaia
20 de julho
Bilhete diário a 33€

Festival F, Faro
6 de setembro
Bilhete diário a 15€

É para comemorar o vigésimo aniversário do álbum 'O Monstro Precisa de Amigos' que os Ornatos Violeta se voltam a reunir, depois dos concertos comemorativos dos 25 anos da banda, em 2012. Encheram o anfiteatro natural da Praia Fluvial do Taboão, em Paredes de Coura, os Coliseus do Porto, de Lisboa e de Ponta Delgada. Deixaram muito boas recordações e muita vontade para ver e ouvir mais! Por isso, este ano, a celebração do álbum de 'Ouvi Dizer' será, certamente, uma excelente forma de, para alguns, regressar à juventude e, para outros, de descobrir uma das maiores bandas de rock alternativo português.

Thom Yorke - NOS Alive, Oeiras

Resultado de imagem para thom yorke

13 de julho
Bilhete diário a 65€

Esta será a terceira atuação de Thom Yorke, vocalista dos Radiohead, no NOS Alive, desde o aclamado regresso da banda britânica ao nosso país, em 2012. Desta vez, Thom Yorke apresenta-se a solo com a sua primeira banda sonora criada para o remake do filme 'Suspiria', lançado no final de 2018, e um novo trabalho (assim se espera!). Será, com certeza, uma experiência sonora imersiva que não deixará ninguém indiferente!

EDP COOL JAZZ

Imagem relacionada

Ao longo do mês de julho
Bilhetes com preços variáveis entre 30€ e 140€

Em julho, o hipódromo Manuel Possolo e Parque Marechal Carmona, em Cascais, transformam-se em espaços de concerto ao ar livre. Enganas-te se achares que este é um festival para os teus pais: há muito que aprender com os grandes clássicos do jazz! De todo o cartaz, destaco o concerto de The Roots, a 9 de julho, que deves conhecer do talkshow 'The Tonight Show with Jimmy Fallon'. Liderada há mais de 30 anos por Questlove (baterista) e Tariq Trotter (rapper Black Thought), a banda de Filadélfia é conhecida por fundir o jazz e o hip-hop e traz novas sonoridades que ficam no ouvido!

Marcações: Verão, Arte, Música, CD's, Artistas, Festivais, Concertos

0
0
0
s2sdefault

Últimas Notícias

  • Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    A celebração de Sexta-Feira Santa é a mais original de todas as da Liturgia romana: Não há eucaristia. O silêncio, o jejum, a oração, as devoções tradicionais, sobretudo as que ajudam a meditar e orar o mistério da cruz, elemento central deste dia ... 

  • Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Com a missa da Ceia do Senhor começa o Tríduo Pascal da morte, sepultura e ressurreição do Senhor. São João dá-nos a chave de tudo o que vivemos: "Amou-nos até ao extremo". 

  • Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    A nossa proposta de reflexão de hoje centra-se nas milhares de pessoas que passam fome no mundo. Hoje propomos-te os números da fome no mundo. O que podemos nós fazer para inverter esta situação? 

  • O meu pai é o melhor do mundo!

    O meu pai é o melhor do mundo!

    É a maior frase feita do mundo, já sabemos. Infelizmente, contudo, nem toda a gente tem a felicidade de ter um pai tão fixe como os nossos. É por isso que hoje decidimos agradecer a todos os pais fixes do mundo. 

  • Como lidar com

    Como lidar com "bullies"?

    Se estás a ser vítima de "bullying", há muito que podes fazer. Enquanto táticas diferentes funcionam para pessoas diferentes, lembra-te que nunca estás sozinho.

  • Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos hospitais também há crianças e adolescentes. Os acidentes ou as doenças não escolhem idades. Vale a pena dialogar acerca do que é a vida no hospital.

  • Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Portugal tem sido um país de acolhimento de variadas culturas. Motivações económicas e políticas são as principais causas para muitas pessoas largarem aquilo que conhecem como casa, como lar. O que podemos aprender com estas histórias de vida?

  • 5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    Há mais de 100 anos que o dia 8 de março ficou conhecido como o Dia Internacional da Mulher. Ainda que tenha diferentes significados em vários pontos do globo, hoje é preciso fazer mais do que publicar uma foto com uma hashtag catita.

  • Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Segundo o relatório sobre a Liberdade Religiosa no mundo, a Fundação da Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), 20% dos países do mundo não respeitam a liberdade religiosa.

  • O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    Hoje a nossa proposta de reflexão é a da liberdade dos vícios. São situações muito difíceis de gerir e às quais temos de ter um grande nível de empatia e compreensão. 

  • Sábado Santo: O dia do

    Sábado Santo: O dia do "nada"

    A celebração de Sábado Santo consiste em não ter celebrações. 

  • Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Segundo dados do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, no final de 2017, estavam deslocadas contra a sua vontade 68,5 milhões de pessoas em todo o mundo, em resultado de guerras, conflitos armados ou violação dos direitos humanos.