Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Livros: São três os que tu lês este Verão

0
0
0
s2sdefault

Índice do artigo

E não é que para a maioria já está de férias? Apetece dizer: este ano é que passou mesmo depressa. Mas como passar o tempo nas férias? Aqui vão três sugestões especiais.

 

No meu tempo as férias eram mesmo grandes. Mas nunca nos faltou o que fazer. Havia muitas atividades ao ar livre, muita televisão e muita leitura. Sim, havia livros, muitos livros, que nos faziam dar largas à nossa imaginação. Eram aventuras intermináveis de Os cinco, por exemplo, que depois até davam na televisão. Líamos em todo lado a toda a hora, sem wi-fi, sem dados móveis, sem power banks para o telemóvel. Alguns de nós fazíamos campeonatos com os irmãos e com amigos para ver quem lia mais num mês. E não havia prémios. Na verdade, aqui para nós, o prémio é o de viajarmos sem sair do lugar, o de vivermos experiências como se fôssemos mesmo o/a protagonista.

Quando lemos um livro que nos agarra, que mexe connosco, só nos acontece uma deceção – a de sentirmos que falta pouco para o largarmos. Vemos as páginas a acabar e custa-nos tanto, depois do último parágrafo, fechar o livro e perguntar: e agora? Onde é que vou arranjar um livro tão bom como este?

Deixamos-te aqui três sugestões que te ajudarão a responder a esta pergunta. São obras que julgamos que te vão fazer virar as páginas sem dares pelo tempo a passar.


 

 

cão

Cão como nós de Manuel Alegre, Dom Quixote.

Esta é a história de um narrador que não quer deixar-se seduzir por um cão que lhe aparece de repente na vida. É um cão teimoso, um cão que tem a mania que é gente, com manias como a gente. É uma narrativa cheia de humor e de peripécias, uma ótima leitura mesmo para quem não pensa ter cães em casa.

O autor, que acabou de ser galardoado com o mais importante prémio de literatura de Língua Portuguesa, deixa bem vincada a sua mestria como contador de histórias.


 

sophia

Contos exemplares de Sophia Mello Breyner Andresen, Porto Editora.

Sophia era uma pessoa fascinante. A sua vida daria um romance extraordinário, ou pelo menos exemplar. A autora destes contos tinha ascendência nórdica, mas desde cedo revelou um enorme fascínio pela cultura grega. Curiosamente, ou não, o seu nome significa sabedoria, na língua helénica.

Nestes contos podemos observar o seu brilhantismo narrativo. Estas histórias não nos deixam indiferentes. Nelas são abordadas questões éticas, morais e até há uma narrativa de pendor fantástico. O que sabemos é que Sophia era notável nas descrições. Somos quase que convidados a entrar nos seus cenários, nos seus ambientes, como se estivéssemos presentes naqueles lugares. Deixa-te seduzir – embarca nesta viagem


 

malala

A Admirável Aventura de Malala contada aos jovens de Maria Inês Almeida; Ilustração: Sandra Lavandeira, Editorial Planeta.

Esta é a história da jovem paquistanesa, Malala Yousafzai (hoje com 19 anos), que se tornou tão conhecida que até já falou perante os maiores líderes mundiais nas Nações Unidas. Infelizmente, tornou-se famosa porque foi atacada por fanáticos que defendiam a ideia de que as raparigas não precisam de estudar. Esteve prestes a morrer com os ferimentos causados nesse cobarde ataque, mas hoje percorre o mundo a defender o direito à educação e a falar da tolerância entre todos. Em 2014 foi-lhe atribuído o Prémio Nobel da Paz.

Marcações: Férias, Tempo Livre, Verão, Livros

0
0
0
s2sdefault

Últimas Notícias

  • Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    A celebração de Sexta-Feira Santa é a mais original de todas as da Liturgia romana: Não há eucaristia. O silêncio, o jejum, a oração, as devoções tradicionais, sobretudo as que ajudam a meditar e orar o mistério da cruz, elemento central deste dia ... 

  • Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Com a missa da Ceia do Senhor começa o Tríduo Pascal da morte, sepultura e ressurreição do Senhor. São João dá-nos a chave de tudo o que vivemos: "Amou-nos até ao extremo". 

  • Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    A nossa proposta de reflexão de hoje centra-se nas milhares de pessoas que passam fome no mundo. Hoje propomos-te os números da fome no mundo. O que podemos nós fazer para inverter esta situação? 

  • O meu pai é o melhor do mundo!

    O meu pai é o melhor do mundo!

    É a maior frase feita do mundo, já sabemos. Infelizmente, contudo, nem toda a gente tem a felicidade de ter um pai tão fixe como os nossos. É por isso que hoje decidimos agradecer a todos os pais fixes do mundo. 

  • Como lidar com

    Como lidar com "bullies"?

    Se estás a ser vítima de "bullying", há muito que podes fazer. Enquanto táticas diferentes funcionam para pessoas diferentes, lembra-te que nunca estás sozinho.

  • Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos hospitais também há crianças e adolescentes. Os acidentes ou as doenças não escolhem idades. Vale a pena dialogar acerca do que é a vida no hospital.

  • Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Portugal tem sido um país de acolhimento de variadas culturas. Motivações económicas e políticas são as principais causas para muitas pessoas largarem aquilo que conhecem como casa, como lar. O que podemos aprender com estas histórias de vida?

  • 5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    Há mais de 100 anos que o dia 8 de março ficou conhecido como o Dia Internacional da Mulher. Ainda que tenha diferentes significados em vários pontos do globo, hoje é preciso fazer mais do que publicar uma foto com uma hashtag catita.

  • Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Segundo o relatório sobre a Liberdade Religiosa no mundo, a Fundação da Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), 20% dos países do mundo não respeitam a liberdade religiosa.

  • O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    Hoje a nossa proposta de reflexão é a da liberdade dos vícios. São situações muito difíceis de gerir e às quais temos de ter um grande nível de empatia e compreensão. 

  • Sábado Santo: O dia do

    Sábado Santo: O dia do "nada"

    A celebração de Sábado Santo consiste em não ter celebrações. 

  • Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Segundo dados do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, no final de 2017, estavam deslocadas contra a sua vontade 68,5 milhões de pessoas em todo o mundo, em resultado de guerras, conflitos armados ou violação dos direitos humanos.