Escuta, arrisca e… ama!

0
0
1
s2smodern

Neste domingo Jesus encontra um escriba bem-intencionado. Um daqueles homens que não condena à partida a Palavra de Jesus mas que está disposto a escutá-lo e a procurar a verdade. Este homem faz uma pergunta a Jesus: “Qual o maior de todos os mandamentos?”

DOMINGO XXXI DO TEMPO COMUM |  Mc 12, 28b-34 

Jesus responde com duas palavras: escuta e ama!

Escuta! Escuta Deus, o que Ele te diz, o que ele sussurra neste momento ao teu coração. Só assim encontrarás a resposta para essa pergunta decisiva que trazes no coração: “Qual o maior mandamento?”

Ama! A Deus e ao próximo. Para Jesus, o maior de todos os mandamentos são “dois amores entrelaçados”. De facto, um sem o outro não chegam a ser realmente amor. Quem diz que ama a Deus, mas não é capaz de acolher o irmão, de o escutar, de o acompanhar, de o servir pode estar a “amar” um deus qualquer, criado por si, mas não o Deus de Jesus Cristo que é proximidade e partilha de vida. E por outros lado, quem diz que ama os irmãos, mas não precisa, para isso, de amar a Deus, rapidamente vai cair nalguma forma de egoísmo ou de controle que não dará liberdade ao outro.

O maior de todos os mandamentos de Cristo é viver a equilibrar estes dois amores. Dois amores essenciais, mas diferentes! De facto, Cristo diz que a medida do amor a Deus é a totalidade do que somos: coração, alma, entendimento, forças; e diz que a medida do amor ao próximo somos nós mesmos. É diferente. Só a Deus damos tudo. E mais do que dar, restituímos pois tudo recebemos dele. E neste tudo, está até mesmo o que nem sabemos que temos. Até as sementes de eternidade que estão no nosso coração. Aos irmãos podemos dar só o que somos aqui, nesta terra, com todas as nossas limitações, fraquezas, erros…

A nossa capacidade de equilibrar o amor a Deus e o amor ao próximo é diretamente proporcional à distância a que estamos do Reino dos Céus!

E tu? Quanto estás perto do Reino dos Céus?

Marcações: Valores, Evangelho, Tempo Comum , Comentário

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias