Perdoa, mesmo que não esqueças

0
0
1
s2smodern

O perdão é uma das coisas mais fascinantes que o ser humano é capaz de fazer. O próprio ato revela muito sobre o nosso carácter. 

O perdão diz muito de nós. Não estamos a falar de um pedido de desculpa entre irmãos, por exemplo, quando um deles estraga o brinquedo do outro. Perdoar alguém que nos magoou de uma forma grave é um ato contínuo de cura, mexendo com o mais íntimo do nosso ser. 

As "marcas" que ficam na alma

É um processo muito duro perdoar alguém que não tenha correspondido às nossas expetativas. Às vezes, até mesmo uma mentira pode arruinar una amizade,um relacionamento,  criar problemas de confiança que levarão anos a sarar.Ainda que seja um verdadeiro desafio perdoar, é no perdão deste tipo de ofensas que vemos o verdadeiro poder por detrás do gesto.

Quando dizemos as palavras: "Eu perdoo-te", estamos a conjugar o verbo no presente! Estás a dizer que ainda te sentes afetado com o que aconteceu, apesar de verbalizares a luta interior que enfrentas. 

Perdoar e esquecer nem sempre é possível. Não quer dizer que estejas a guardar rancor, mas significa que é difícil lidar com estas "marcas" que se deixam na alma. Perdoar os atos que as causaram é um ato contínuo.

É muito fácil guardar rancor. Mais fácil ainda é culpar a pessoa que causou  a tua dor - muito mais fácil do que perdoar novamente. E mesmo que escolher perdoar seja mais doloroso, é muito mais recompensador. Quando pronuncias "eu perdoo-te" queres dizer que estás ainda em processo de perdão. 

Avança, mesmo que custe

O perdão é uma escolha contínua porque todos os dias, de alguma forma, o que nos magoou volta a atormentar-nos. E por isso mesmo, devemos mesmo escolher o perdão. Sempre. Porque isso tudo faz parte de nós, da nossa história, e chegará a um momento em que deixará de atormentar tanto.

O perdão nem sempre é um sentimento claro, nem sempre é tão simples como "está tudo bem!". É uma escolha contínua, uma escolha que fazemos mesmo quando não nos sentimos assim. Mas é aí que está o poder do perdão: mesmo que sintamos a raiva a crescer por dentro, mesmo quando somos levados às lágrimas e de joelhos para perguntar "porquê?" - o perdão ainda é uma escolha que podemos fazer.

Sempre que escolhemos não guardar rancor, estamos a perdoar. Sempre que escolhemos não culpar a pessoa em questão, estamos a perder. Sempre que avançamos na vida, em vez de nos concentrarmos nos erros, estamos a perdoar. Algumas pessoas poderão não voltar às nossas vidas, outras mantemos para o nosso próprio bem - nenhuma dessas escolhas diminui o nosso ato de misericórdia.

Eu perdoo, mesmo não esquecendo 

"Eu perdoo-te". Agora, amanhã, daqui a uma década. É uma promessa que não vais ficar a moer no passado, mesmo que ele venha ao teu encontro.

"Eu perdoo-te".  Como qualquer promessa, podes quebrá-la e voltar para a dor ou raiva. Mas como diz a música "shake it off!".

“Eu te perdoo-te” Porque não acaba. O perdão que continuas a dar aos outros será certamente retribuído ao longo da tua vida. 

Marcações: Valores, Família, Amizade, Amigos, Relações, Perdoar, Relacionamento, Desculpa

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias

  • Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Santíssima Trindade

    Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Santíssima Trindade

    Para alguns, Deus é simplesmente algo misterioso. Para outros, é um velhote de barbas brancas sentado no Céu, que está bem longe do que se passa na Terra.

  • Como sei que é meu amigo?

    Como sei que é meu amigo?

    Espera, antes disso. Quais as qualidades e características que uma pessoa tem de ter para a considerares tua Amiga? A importância que quem está à tua volta tem na tua vida é determinante!

  • Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Domingo de Pentecostes

    Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Domingo de Pentecostes

    A paz recebida de Jesus transforma-se em missão. Outrora, o Pai confiara a Jesus uma missão (ser portador da salvação de Deus à nova humanidade); agora é Jesus que envia os seus a serem portadores desta mensagem de vida nova a todos os homens.

  • James Bay: Uma boa surpresa para a tua

    James Bay: Uma boa surpresa para a tua "playlist"

    "Sem expectativas" - é o meu lema para os concertos. No Domingo fui assistir ao concerto de Ed Sheeran, que contava com 3 concertos de abertura. Mais uma vez, fui sem expectativas, sem preparação. E fui surpreendida.

  • 7 factos sobre Ed Sheeran

    7 factos sobre Ed Sheeran

    No fim de semana em que o cantor vem a Portugal para dois concertos, damos-te a conhecer algumas curiosidades do cantautor inglês. 

  • Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Ascensão do Senhor

    Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Ascensão do Senhor

    Jesus sofrerá e ressuscitará dos mortos ao terceiro dia, e em seu nome serão pregados a todos os povos a conversão e o perdão dos pecados. São as últimas palavras de Jesus, o seu testamento. Agora somos nós que temos de continuar o Seu legado. Jesus confia-nos três tarefas, que se resumem em três elementos.

  • Filmes com

    Filmes com "cheiro a Verão"

    Férias de verão significa ir até à praia, piscina, estar o maior tempo ao sol. Com a escola quase a terminar, há muito tempo livre para ocupar, e porque não com filmes? Aqui vão algumas sugestões:

  • Uma ilha no Mediterrâneo formada por ... lixo?

    Uma ilha no Mediterrâneo formada por ... lixo?

    O mar mediterrâneo comunica-se com o Atlântico pelo Estreito de Gibraltar e banha incontáveis praias pitorescas do norte da África, da Europa e da Ásia, cobrindo uma área de aproximadamente 2,5 milhões de quilómetros quadrados.

  • Fake News: Como detetar

    Fake News: Como detetar "bots" no Twitter?

    "Marcus099875 retwittou..." Um nome seguido de vários números aleatórios pode ser uma indicação de bot no Twitter. Contudo, o padrão não é regra e é preciso aprofundar um pouco mais. Investigadores do site Recorded Future deram uma palestra sobre este fenómeno na Security Analyst Summit deste ano. A ideia é mostrar porque é que os bots são utilizados.

  • Há vida para além de

    Há vida para além de "A Guerra dos Tronos"?

    8 anos e 8 temporadas depois, "A Guerra dos Tronos" chegou ao fim este fim de semana. Mas, e agora? O que fazer ao tempo dedicado a esta série? Aqui vão algumas sugestões:

  • "Estou sempre a adormecer"

    Quantas vezes dás por ti a adormecer nas aulas? Seja por uma noite mal dormida ou uma tarefa entediante, estar constantemente a fechar os olhos a todo o momento não é algo agradável. Para ficar mais alerta e deixar a preguiça de lado, aqui vão algumas dicas. 

  • Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Domingo V da Páscoa

    Escuta, Arrisca e Vive a Palavra | Domingo V da Páscoa

    Judas sai para entregar Jesus. Quem fica, alimenta-se de Deus, através de Jesus. A saída de Judas da presença dos discípulos cria o ambiente para a intimidade com os seus. É o tempo da despedida, do testamento final.