Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

O sol e a pele

0
0
0
s2sdefault

Chegou o calor e com este a vontade de ir à praia. Voltamos a puder passear junto ao mar, jogar futebol ou voleibol o dia todo, dormir uma boa sesta com o som das ondas a baterem na areia, ou simplesmente estar deitados ao Sol a bronzear. Tudo isto nos sabe bem e faz-nos recordar tantos Verões que já passaram. No entanto, nesta altura é frequente também que nos relembrem da importância de nos “protegermos” do Sol e não é raro ouvir os pais, avós ou tios a dizerem: “Não te esqueças de pôr protetor solar”. E tudo isto porquê?

A pele é um importante órgão do nosso corpo. Apesar de parecer só uma “casca” que cobre o nosso interior, esta tem muitas outras funções como impedir a entrada de microorganismos que facilmente iriam infetar o nosso organismo, produzir vitamina D (importante para a absorção de cálcio) e regular a temperatura. Por tudo isto é importante preservarmos a nossa pele.

Como já deves ter ouvido falar, o Sol emite várias radiações das quais fazem parte as ultravioleta, que são radiações que danificam as nossas células ao alterarem o seu DNA (uma espécie de “chip” que controla as suas funções). Assim, quando passamos muito tempo ao Sol, aumentamos a probabilidade das radiações lesarem as nossas células facilitando a sua morte ou a sua transformação em células cancerígenas, podendo levar ao desenvolvimento de cancro da pele.

Como podemos então prevenir estes efeitos?

Um dos primeiros princípios a ter em conta é evitar estar exposto ao Sol nas horas de maior calor (11:00h às 17:00h) porque nessa altura são maiores as quantidades de radiação que chegam à superfície da Terra. Em segundo lugar, é importante colocar sempre protetor solar porque este evita a entrada das radiações na nossa pele.

E que protetor solar devo escolher?

Existem protetores solares com diferentes fatores de proteção: Fator 15, 30, 50 ... Este valor significa que aplicando um destes produtos vais aumentar a duração que a tua pele pode estar exposta ao sol em 15x, 30x, 50x, respetivamente.

Por exemplo: Se a tua pele aguenta estar exposta ao Sol durante 7 minutos sem sofrer efeitos do mesmo (peles mais escuras), ao utilizares um fator de proteção 15 vais puder estar apenas 105 minutos = 1h45minutos ao sol (15x7) sem sofrer os seus efeitos.

Finalizado esse tempo deves colocar novamente protetor. Assim sendo, deves fazer a tua escolha de acordo com o que for mais prático para ti mas garantindo sempre que manténs a tua pele protegida.

E atenção: o chapéu de sol bem como a água não te protegem totalmente das radiações ultravioleta pelo que mesmo nesses casos deves colocar protetor. As férias são para aproveitar? Sem dúvida! Mas lembra-te de ter estes pequenos cuidados porque vão ajudar-te a evitar doenças sérias no futuro.
Boas férias!

 

Marcações: Férias, Tempo Livre, Saúde

0
0
0
s2sdefault

Últimas Notícias

  • Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    A celebração de Sexta-Feira Santa é a mais original de todas as da Liturgia romana: Não há eucaristia. O silêncio, o jejum, a oração, as devoções tradicionais, sobretudo as que ajudam a meditar e orar o mistério da cruz, elemento central deste dia ... 

  • Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Com a missa da Ceia do Senhor começa o Tríduo Pascal da morte, sepultura e ressurreição do Senhor. São João dá-nos a chave de tudo o que vivemos: "Amou-nos até ao extremo". 

  • Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    A nossa proposta de reflexão de hoje centra-se nas milhares de pessoas que passam fome no mundo. Hoje propomos-te os números da fome no mundo. O que podemos nós fazer para inverter esta situação? 

  • O meu pai é o melhor do mundo!

    O meu pai é o melhor do mundo!

    É a maior frase feita do mundo, já sabemos. Infelizmente, contudo, nem toda a gente tem a felicidade de ter um pai tão fixe como os nossos. É por isso que hoje decidimos agradecer a todos os pais fixes do mundo. 

  • Como lidar com

    Como lidar com "bullies"?

    Se estás a ser vítima de "bullying", há muito que podes fazer. Enquanto táticas diferentes funcionam para pessoas diferentes, lembra-te que nunca estás sozinho.

  • Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos hospitais também há crianças e adolescentes. Os acidentes ou as doenças não escolhem idades. Vale a pena dialogar acerca do que é a vida no hospital.

  • Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Portugal tem sido um país de acolhimento de variadas culturas. Motivações económicas e políticas são as principais causas para muitas pessoas largarem aquilo que conhecem como casa, como lar. O que podemos aprender com estas histórias de vida?

  • 5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    Há mais de 100 anos que o dia 8 de março ficou conhecido como o Dia Internacional da Mulher. Ainda que tenha diferentes significados em vários pontos do globo, hoje é preciso fazer mais do que publicar uma foto com uma hashtag catita.

  • Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Segundo o relatório sobre a Liberdade Religiosa no mundo, a Fundação da Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), 20% dos países do mundo não respeitam a liberdade religiosa.

  • O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    Hoje a nossa proposta de reflexão é a da liberdade dos vícios. São situações muito difíceis de gerir e às quais temos de ter um grande nível de empatia e compreensão. 

  • Sábado Santo: O dia do

    Sábado Santo: O dia do "nada"

    A celebração de Sábado Santo consiste em não ter celebrações. 

  • Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Segundo dados do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, no final de 2017, estavam deslocadas contra a sua vontade 68,5 milhões de pessoas em todo o mundo, em resultado de guerras, conflitos armados ou violação dos direitos humanos.