Histórias para Crescer: O passeio de barco

0
0
1
s2smodern

Certo dia, um senhor muito bem vestido, bem-falante e muito culto decidiu fazer um passeio de barco numa pequena vila por onde estava de passagem.

Na pequena embarcação seguiam apenas o culto senhor e o barqueiro, que se notava que era um homem simples.

Mal entrou no barco o senhor meteu conversa com o barqueiro, falando sobre os grandes compositores, como Bach e Chopin.

Ao notar que o barqueiro se mantinha alheado da conversa, o senhor pergunta:

- Então o senhor não entende de música?

- Não. Respondeu o barqueiro com alguma indiferença.

- Ah, meu caro! Um quarto da sua vida está perdida! E dos grandes autores literários, como Camões e Pessoa, para falar só de alguns. Os seus poemas e textos são verdadeiras obras de arte!

- Não conheço – respondeu o barqueiro!

- Ah, que pena! Um quarto da sua vida está perdida, meu caro! Bom resta-nos sempre a história e a filosofia como temas de conversa!

- Desconheço – respondeu novamente o barqueiro com muita indiferença.

- Que desperdício, um homem vive melhor tendo conhecimento das artes e das ciências! Lamentável!

Dado que a conversa não evoluía, ficaram ambos em silêncio a apreciar a paisagem e repararam que uma tempestade se estava a aproximar e o pequeno barco estava agora no meio do lago longe das margens.

- Sabe nadar? – perguntou o barqueiro!

- Não! – respondeu o elegante senhor amedrontado.

- Então a sua vida está perdida!

Ao longo da vida, temos tendência para demonstrar ao mundo que as nossas escolhas são as melhores e que sabemos muito das coisas. De certa forma, sabemos que o conhecimento nos dá estatuto e faz com que os outros confiem em nós e na nossa palavra. Por isso é que é importante estudar e dominar alguma área do conhecimento.

O que não é admissível é por sabermos muitas coisas tentar diminuir ou humilhar os outros que não tiveram as mesmas oportunidades para estudar. Ou pior ainda, ignorar a sabedoria de vida que as pessoas mais velhas e as que vivem da Terra têm.

Assim, é importante estudar, mas também é importante saber nadar, correr na natureza, saber cozinhar, arrumar a casa, conhecer as plantas e os animais, etc. Para sobrevivermos no dia-a-dia temos de dominar uma série de competências e não apenas o saber teórico. Isso ajuda-nos a viver melhor, torna-nos melhores seres humanos e ajuda-nos a construir um mundo melhor.

Marcações: Valores, Amizade, Histórias , Natureza

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias