Histórias para Crescer: O Rei e as suas quatro esposas

0
0
1
s2smodern

Era uma vez um rei que tinha 4 esposas. Ele amava muito a quarta esposa, dava-lhe magníficos presentes, jóias e roupas caras. Ele dava-lhe tudo do bom e do melhor.

 Ele também amava muito a sua terceira esposa, e gostava de exibi-la aos reinos vizinhos. Contudo, ele tinha medo que, um dia, ela o deixasse por outro rei. Esse rei também amava a sua segunda esposa. Ela era a sua confidente e estava sempre disponível para ele, com amabilidade e paciência. Sempre que o rei tinha um problema, ele confiava nela para atravessar essa dificuldade.

A primeira esposa era uma parceira muito leal e fazia tudo que estava ao seu alcance para mantê-lo rico e poderoso, quer ao rei quer ao seu reino. Mas o rei não amava a primeira esposa, e apesar dela o amar profundamente, ele não lhe prestava a devida atenção.

Um dia, o rei adoeceu e percebeu que o seu fim estava próximo. Ele pensou em toda a luxúria da sua vida e ponderou:

—Tenho 4 esposas comigo, mas até morrer, com quantas poderei contar?
Então, o rei perguntou à quarta esposa:
— Minha querida, amei-te tanto, cobri-te das roupas mais finas e das joias mais bonitas. Mostrei-te o quanto te amo cuidando muito bem de ti. Agora que eu estou a morrer, acompanhas-me na minha morte, para não morrer sozinho?
— Nem pensar! – respondeu a quarta esposa, e saiu do quarto sem sequer olhar para trás.
Esta resposta cortou o coração do rei, como uma faca afiada. Entristecido, o rei perguntou à terceira esposa:
— Eu também te amei toda a minha vida. Agora que eu estou a morrer, acompanhas-me neste momento, para não morrer sozinho?
— Não!!! – respondeu a terceira esposa. A vida é demasiado boa! Quando morreres, eu volto a casar.
Novamente, o coração do rei sangrou e gelou. Ele perguntou então à segunda esposa:
— Eu sempre recorri a ti quando precisei de ajuda, e sempre estiveste ao meu lado. Quando eu morrer, acompanhas-me na minha morte?
— Sinto muito, mas desta vez eu não posso fazer o que me pedes - respondeu a segunda esposa. O máximo que eu posso fazer é enterrar-te!
Essa resposta foi como um trovão na cabeça do rei, e ficou ainda mais arrasado.
Ouviu, então, uma voz:
— Eu acompanho-te e sigo-te para onde fores… O rei levantou os olhos e lá estava a sua primeira esposa, magrinha, mal nutrida, sofrida…
Com o coração partido, o rei disse:
— Eu devia ter cuidado muito melhor de ti, enquanto eu podia…

Na verdade, todos nós temos quatro esposas na nossa vida… 

A quarta esposa é o nosso corpo: apesar de todos os esforços que fazemos para mantê-lo saudável e bonito, quando morrermos ele nos deixará. A terceira esposa representa os nossos bens, propriedades e riquezas: quando morremos, tudo isso passa para outros. 

A segunda esposa são a família e os amigos: apesar de nos amarem muito e sempre nos apoiarem, o máximo que eles podem fazer é enterrar-nos. A nossa primeira esposa é a nossa Alma: muitas vezes é deixada de lado para perseguirmos durante a vida a Riqueza, o Poder e os Prazeres do nosso Ego. 

Apesar de tudo, a nossa Alma é a única coisa que sempre estará connosco, não importa qual o nosso destino… A única pessoa que temos de aturar o resto da vida, 7 dias por semana 24 horas por dia, somos nós! Por isso, cultiva, fortalece, bendiz e enobrece a tua alma, todos os dias!

 

Marcações: JOvens, Valores, Família, Crescer, Amigos, Relações, Deus, Amor , Adolescentes, Histórias , Pais, Alma

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias

  • Como serão os raios-x de animais?

    Como serão os raios-x de animais?

    As imagens que vais ver a seguir consistem em radiografias que foram feitas pelo pessoal do Jardim Zoológico de Oregon, nos EUA, como parte dos exames de rotina aos animais que lá vivem. Como podes comprovar abaixo, além de reveladores — do ponto de vista científico e veterinário —, as imagens são mesmo fascinantes. 

  • 4 Filmes para veres a 2,50 euros na Festa do Cinema

    4 Filmes para veres a 2,50 euros na Festa do Cinema

    A Festa do Cinema decorre até ao dia 24 de outubro (quarta-feira), com mais de 10 mil sessões em todo o país. Parece muito? Não sabes por onde começar? Nós damos uma ajuda. 

  • Pawel Kuczynski: Ilustrações que desafiam

    Pawel Kuczynski: Ilustrações que desafiam

    As contradições da vida moderna encontram na obra de Pawel Kuczynski um lugar de destaque. Os temas que o artista aborda nos seus desenhos giram em torno da relação da humanidade com o mundo que a cerca — desde o vício das redes sociais às estratégias da TV para fisgar a audiência. 

  • 15 Factos matemáticos divertidos

    15 Factos matemáticos divertidos

    Quem disse que a Matemática é uma seca, não leu este artigo!

  • Filmes que Desafiam:

    Filmes que Desafiam: "Capitão Fantástico"

    O filme desta semana fala-nos da importância da família e da importância que as coisas simples tem na nossa vida. 

  • Sans Forgetica: o novo tipo de letra que ajuda a memorizar o que escreves

    Sans Forgetica: o novo tipo de letra que ajuda a memorizar o que escreves

    Um grupo de investigadores da Universidade de RMIT, na Austrália, criou um tipo de letra – a Sans Forgetica, e garante que a mesma é capaz de aumentar a capacidade de memorização.

  • Quem é que inventou os TPC? São mesmo precisos?

    Quem é que inventou os TPC? São mesmo precisos?

    Não adianta negar: um dos maiores pesadelos dos alunos são os trabalhos de casa. Muitas vezes questionam-se porque é que devem estudar ainda mais do que já estudam na escola, e ainda que esses questionamentos deem lugar à aceitação (ou quase) na adolescência e na fase adulta, a verdade é que sempre temos que rever em casa o conteúdo lecionado durante o dia.

  • As marcas mais poderosas do mundo

    As marcas mais poderosas do mundo

    A Interbrand é uma importante consultora de marcas e todos os anos avalia as marcas mais poderosas. Já é conhecida a lista deste ano, sabes quais são?

  • Porquê adotar um cão?

    Porquê adotar um cão?

    São cada vez mais os adeptos da adoção de cães em vez de compra. Para além de "salvar" a vida do companheiro de 4 patas, o custo é irrisório quando comparado aos preços praticados por lojas de animais. 

  • Escuta, Arrisca e ... Simpatiza!

    Escuta, Arrisca e ... Simpatiza!

    O Evangelho desta semana conta-nos uma história que te deve ser conhecida.

  • #respectbattles - a música como

    #respectbattles - a música como "arma" do respeito

    Podemos não concordar com os pontos de vistam, com as opções de vida que algumas pessoas ao nosso redor tomam. Mas se há algo que é obrigatório (e que vemos a desvanecer-se aos poucos) é o respeito pelo outro. A APAV não ficou indiferente e criou uma campanha original.

  • Os padrões de beleza ao longo do tempo

    Os padrões de beleza ao longo do tempo

    Se há algo muito debatido nos dias de hoje, são as regras de beleza, às quais muitos tentam corresponder. Mas sabias que nem sempre foi assim?