Felizmente há Natal - Como nós, mais do que nós (parte 2)

0
0
1
s2smodern

Os evangelistas contam o nascimento de Jesus sem muitos pormenores. Não pretendem satisfazer a nossa curiosidade, mas dizer que essa criança é Deus connosco. Respondemos a algumas perguntas.

(Não leste a parte 1? Aqui está)

Jesus existiu mesmo?

Jesus existiu realmente na Palestina há pouco mais de 2000 anos. Disso dão testemunho os seus amigos, que não tinham nenhum motivo para inventar uma história. Eles pagaram com a própria vida a fé em Jesus. Além disso, o seu nome aparece nos documentos de um historiador judeu da época de Jesus e de alguns seus colegas romanos. Há ainda muitos outros testemunhos da antiguidade. 

No tempo de Jesus não existiam os registos civis. Como é que se sabe que ele nasce em Belém?

Saber onde nasceu não tem, em si, muita importância. Mas S. Mateus, autor de um dos quatro evangelhos, diz exatamente que Jesus nasceu em Belém da Judeia. "Tendo Jesus nascido em Belém da Judeia, no tempo do rei Herodes" (Mt 2,1). S. Lucas afirma que José subiu à Judeia, à cidade de David chamada Belém, por ser da casa e da linhagem de David" (Lc 2,4). O profeta Miqueias tinha anunciado que o Messias deveria nascer em Belém. Em Belém, a pouca distância de Jersualém, venera-se hoje o lugar onde Jesus terá nascido. 

Os estudiosos dizem que Jesus nasceu precisamente no ano zero. Mas o que é o ano zero? Como se calcula?

Acerca do ano zero existe uma certa confusão. Simplificando, diremos que no tempo de Jesus, os anos contavam-se a partir da fundação de Roma. No século XV, a Igreja decretou que se passassem a contar os anos a partir do nascimento de Jesus, pois ele marcou a história do mundo. Encarregaram Dionísio, o pequeno, de fazer as contas. Ele calculou a data do nascimento de Jesus no ano 753 da fundação de Roma. E foi a partir deste cálculo que se estableceu o ano 1 da era cristã. Parece que este este monge se enganou nas contas. De facto, supõe-se que Jesus teria nascido por volta do ano 6 antes da nossa era. Se estamos hoje no ano 2017 depois de Cristo, ele terá nascido há 2023 anos.

Não percebo uma coisa. Jesus, sendo homem, é também verdadeiro Deus?

Esta é a sua qualidade principal. Se fosse simplesmente um homem como todos os outros, as suas obras e palavras seriam interessantes, mas nada mais que isso. Pelo contrário, ele deu muitas provas de ser verdadeiro Deus, o filho único de Deus. Era verdadeiramente homem, mas simultaneamente verdadeiro Deus. Depois de ter sido perseguido e morto, ressuscitou para nunca mais morrer. Os apóstolos, que o seguiram desde o início, tinham também dúvidas se ele era Deus connosco. Mas a ressurreição de Jesus e o envio do Espírito Santo mudou-lhes a opinião. Deram a vida pela sua fé. 

Mas então que "homem" era?

Jesus era como nós. Foi bebé, criança, jovem e adulto. Brincava com as outras crianças e com elas, frequentava a escola de Sinagoga. Não andou a fingir que era pessoa humana! Trata-se de um mistério que não é para perceber. Contudo, numa coisa era diferente de nós: nunca teve pecado. Embora fosse tentado, fez sempre a vontade de Deus Pai.

Marcações: Jesus , Deus, , Natal, Advento, Virgem Maria

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias

  • Escuta, Arrisca e ... Partilha

    Escuta, Arrisca e ... Partilha

    João Batista é a figura central deste tempo do Advento. Prepara. Encaminha. Endireita. Conduz. Aqueles que o ouvem encontram nele uma pergunta: que devemos fazer?

  • Novena de Natal | 17 de Dezembro

    Novena de Natal | 17 de Dezembro

    Iniciamos hoje uma proposta de meditação um bocado diferente da habitual. Estás preparado?

  • Para lá da música:

    Para lá da música: "Presépio de Lata" de Rui Veloso

    Nesta quadra festiva, propomos-te uma viagem por músicas que nos propõe refeltir sobre como vivemos o Natal. Esta semana convidamos-te a ouvir Rui Veloso. 

  • 5 coisas a fazer no Advento

    5 coisas a fazer no Advento

    Estamos todos naquela fase do ano em que pensamos "como é que passou tão depressa?". Com o tempo a passar, o ano de 2019 está mesmo ali no virar da esquina. Podes estar a perguntar-te como aproveitar ao máximo a vida antes do ano acabar? Aqui vão umas ideias:

  • Vem aí um novo filme do SONIC - e o

    Vem aí um novo filme do SONIC - e o "teaser" divide opiniões

    O live-action do Sonic, que terá Ben Schwartz como Sonic e Jim Carrey como o vilão Robotnik, tem o primeiro teaser oficial.  E, bem, o vídeo não está a agradar os fãs.

  • 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos: Onde estamos hoje?

    70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos: Onde estamos hoje?

    Segundo a Amnistia Internacional, os direitos humanos continuam a não ser cumpridos na totatlidade. Os ativistas dos direitos humanos e movimentos de justiça social enfrentam uma batalha difícil.

  • Vida para além da Terra - é possível?

    Vida para além da Terra - é possível?

    A possibilidade de encontrar vida fora da Terra sempre instigou a imaginação humana. A primeira missão espacial que procurou sinais extraterrestes aconteceu em 1979. O programa Viking, conduzido pela NASA, chegou a enviar sondas para Marte, à procura de indícios. A missão, na época, acabou por não ter resultados. 

  • Escuta, Arrisca e... Muda!

    Escuta, Arrisca e... Muda!

    “Uma voz clama no deserto”… Esta expressão do Evangelho é parecida ao mundo de hoje, quando vemos grandes figuras nos filmes, concertos, jogos de futebol … Achamos sempre que, dessas pessoas que admiramos, sai um raio de luz inesperado, algo que nos poderá deixar uma marca para a vida.

  • 25 possibilidades de fazer voluntariado

    25 possibilidades de fazer voluntariado

    Gostavas de te dedicar ao voluntariado mas não sabes onde te dirigir? Começa por definir as tuas áreas de interesse.

  • Ser voluntário: um compromisso que muda a vida!

    Ser voluntário: um compromisso que muda a vida!

    Hoje comemora-se o Dia Internacional do Voluntário. Muito mais do que dar quando nos apetece ou porque fica bem no futuro CV, ser voluntário é assumir um compromisso, uma responsabilidade - a de ir ter com o outro sempre que ele precise.

  • Para lá da música:

    Para lá da música: "Christmas Unicorn" de Sufjan Stevens

    Quando pensamos em músicas de Natal pensamos logo na Mariah Carey, no Michael Bublé, nos Wham!, no Coro de Santo Amaro de Oeiras ... a variedade não acaba. Hoje propomos-te um "registo" natalício diferente.

  • Não consigo dormir!

    Não consigo dormir!

    Passas o dia inteiro com sono, mas depois chega a hora de dormir e aguentavas uma direta? Isto é para ti!