O seu nome é Maria

0
0
1
s2smodern

Apesar de ter vivido há cerca de dois mil anos, o seu nome é pronunciado com amor a cada momento por todo o mundo. O seu nome é Maria.

Maria é natural de Nazaré da Galileia e os seus pais chamavam-se Joaquim e Ana. Quando era apenas noiva de José, mas sem viverem ainda em comum, recebeu uma excelente notícia para ela e para o seu povo: Deus iria fazer-se homem e ela a escolhida para ser sua mãe. Maria de Nazaré deu à luz a Jesus, que é Deus connosco. Depois acompanhou-o no seu crescimento, desde o seu nascimento em Belém até à sua morte em Jerusalém. Uma presença discreta, pois o importante não era ela, mas o seu filho. Por isso, os Evangelhos narram que ela falou poucas vezes. Convido-te, neste mês de Maio, a recordar essas intervenções.

“Eis a serva do Senhor”

Quando foi convidada para ser mãe de Jesus, ficou assustada e fez perguntas. Perguntou: “Como posso ser mãe, se não vivo com nenhum homem?” Foi esclarecida com estas palavras: “A Deus nada é impossível”. Então ela colocou-se à disposição de Deus, exclamando: “Eis a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a sua palavra”.

“A minha alma glorifica ao Senhor”

Maria, poucos dias depois, saiu da sua terra e pôs-se a caminho em direcção à casa da prima Isabel. Esta ficou muito feliz: “Que alegria ser visitada por ti! És feliz porque tens fé em Deus”. Maria cantou então um cântico de louvor: “A minha alma glorifica o Senhor. Olhou para a humildade da sua serva. É grande a sua misericórdia, o seu amor”.

“Filho, por que nos fizeste isto?”

Depois do nascimento de Jesus, passou a viver em Nazaré, juntamente com José e o Menino, que ia crescendo. Quando Jesus fez doze anos, foi com os pais a Jerusalém. Separou-se deles. Ao encontrarem-no no templo, Maria repreendeu-o: “Por que nos fizestes isto. Andávamos aflitos à tua procura?” Maria era uma mãe bondosa mas exigente.

“Fazei o que Ele vos disser”

Um dia, foi convidada para um casamento em Caná. Eram noivos pobres e o vinho acabou-se. Mas Maria, antes que dessem pela sua falta, disse a Jesus: “Não têm vinho”. Sabia que Ele iria fazer algo e disse aos serventes: “Fazei o que o meu Filho vos disser”. Eles assim fizeram. Encheram as vasilhas de água, que se transformou em vinho do melhor.

O silêncio de Maria

Jesus, carregando a cruz às costas, foi levado para o monte Calvário. Aí foi crucificado. Todos os seus amigos o tinham abandonado. Mas, junto à cruz, estava de pé a sua mãe Maria. Ela permaneceu em silêncio. Mas era preciso falar para dizer que amava muito o seu Filho Jesus? Bastava a sua presença amorosa. E ficou a aguardar o dia da ressurreição.

Marcações: Natal, Advento, Virgem Maria, Maria, Páscoa

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias

  • Escuta, Arrisca e ... Aventura-te!

    Escuta, Arrisca e ... Aventura-te!

    Depois de ter passado uma noite em oração e de ter escolhido os doze, Jesus encontra agora dois grupos de pessoas: numerosos discípulos e uma grande multidão. A multidão sente-se desorientada e procura Jesus por dois motivos: quer ouvir a sua Palavra e ser curada dos seus males.

  • "Tolkien": Uma viagem pela mente do criador de "O Senhor dos Anéis"

    A pergunta mais velha do mundo que se faz a qualquer mente criativa é: "Como é que surgiu esta ideia?". Pois este ano vamos poder conhecer uma das mais brilhantes mentes do século XX. 

  • Música: porque gostamos tanto dela?

    Música: porque gostamos tanto dela?

    Independentemente do teu estilo musical favorito, com uma coisa podemos concordar: ouvir música faz bem e deixa-nos felizes. Companheira de viagens, caminhadas e, para os mais sortudos, presente também na hora do trabalho, a música é algo que tem a capacidade de melhorar o nosso humor e, inclusive, fazer com que a nossa concentração melhore, mas já te perguntaste como é que isto é possível?

  • Will Smith em tons de azul - o novo trailer de

    Will Smith em tons de azul - o novo trailer de "Aladdin"

    Durante  a cerimónia dos Grammys 2019 foi divulgado um novo trailer do remake do filme "Aladdin" da Disney. 

  • Grammys: a noite em que o rap foi estrela

    Grammys: a noite em que o rap foi estrela

    Ontem à noite decorreu a 61ª edição dos prémios Grammy, que distingue o que de melhor se fez na música no ano que passou.

  • Escuta, Arrisca e ... Confia!

    Escuta, Arrisca e ... Confia!

    No Evangelho deste Domingo, Pedro tem um gesto de confiança: Pela tua palavra, porque és Tu a dizê-lo, para Te dar um prazer, por Ti … lanço as redes.

  • O capitalismo: O que é?

    O capitalismo: O que é?

    Provavelmente já ouviste algumas pessoas falarem sobre esta coisa chamada capitalismo. Se já ouviste os teus pais a reclamar sobre o capitalismo ou algum dos teus professores a abordar este assunto, hoje explicamos-te este tema de uma forma simples. 

  • Dia dos Namorados: 10 canções para dedicar

    Dia dos Namorados: 10 canções para dedicar

    Quer estejas a planear algo especial com o teu namorado(a) ou um jantar com as amigas, aqui vão algumas ideias.

  • Escuta, Arrisca e ... Conhece!

    Escuta, Arrisca e ... Conhece!

    Jesus está no início da sua vida pública. Na sinagoga de Nazaré lê uma citação do profeta Isaías e actualiza-a, aplicando o conteúdo da profecia a si mesmo e à sua missão.

  • A ansiedade nas palavras deles

    A ansiedade nas palavras deles

    Tem sido crescente a atenção dos media para as questões relacionadas com a saúde mental. Também algumas figuras públicas aproveitam o espaço que lhes é dado para falar destas questões e como as ultrapassaram. 

  • Porque é que os casais dão as mãos?

    Porque é que os casais dão as mãos?

    Quer estejas a ver um filme, a caminhar na rua, ou simplesmente dar uma volta, não há nada mais inato do que o ato de dar as mãos. Mas porque é que fazemos isso?  Há algo mais para além do conforto de estar com o teu mais que tudo?

  • O #10YEARCHALLENGE que vale a pena ver!

    O #10YEARCHALLENGE que vale a pena ver!

    Toda a gente nas redes sociais participou no “Desafio dos 10 Anos”, a brincadeira que, basicamente, consiste em partilhar uma foto atual ao lado de uma de há 10 anos atrás para mostrar o quanto ou o quão pouco mudamos ao longo da última década, certo?