5 exercícios para ter uma escuta ativa

0
0
1
s2smodern

Ao ouvir as experiências das pessoas à nossa volta, conhecemos uma verdade mais profunda da realidade. Ao escutares, consegues conversar muito melhor! Aqui vão alguns conselhos simples e práticos sobre ouvires ainda melhor aqueles que conheces (ou se calhar não conheces tão bem). 

 

1. Olha para a pessoa que queres ouvir... Sem distrações!

Antes de comunicar qualquer coisa com as nossas palavras, nós dizemos muito com os nossos olhos. Se tu estás numa conversa com alguém que está a partilhar algo importante contigo, olha mesmo nos seus olhos! Claro, não te esqueças de piscar os olhos, senão vais parecer um perseguidor. 

2. Faz perguntas 

Sem interromper a pessoa, vai fazendo algumas perguntas esclarecedoras, como uma forma de mostrares o teu interesse na história que estás a ouvir. Se o teu amigo conta-te a história da sua prima Sara, fala doutra coisa, mas depois fala da Sara outra vez, pode ser conveniente perguntares "A Sara é a tua prima, não é?" ... Ou se a tua amiga partilha contigo o seu dilema entre Artes ou Ciências, podes começar por perguntar o que é que ela gosta mais em cada área. Fazer perguntas simples mostra à outra pessoa que queres mesmo conhecê-la e não queres perder pitada do que está a dizer. 

3. Confia na experiência do outro 

Este passo é um bocado complicado. Quando as pessoas partilham algo íntimo connosco, podem exprimir certas opiniões com as quais não concordamos. Mesmo que no fundo sintamos que nós e que estamos certos, é fundamental confiar no que o outro te está a dizer. Há uma grande diferença entre "Acho que tens razão" ou "Percebo o que queres dizer". Por exemplo, um amigo pode contar-te que não suporta um colega de turma, descrevendo-o como uma pessoa injusta em diversas situações. Podes pensar que o teu amigo está a ser irracional e que esse colega até uma pessoa porreira. Mesmo assim, temos de perceber que o teu amigo está mesmo triste e que os seus sentimentos são válidos. Em vez de dizeres "Esse colega foi um parvo!", experimenta dizeres "Nota-se que tu e ele não se dão muito bem". Desta forma confias e validas a experiência do teu amigo, sem mostrar que o teu amigo está correto.

4. Não dês conselhos só porque sim 

Na maior parte das vezes, quando as pessoas falam connosco para partilhar o que estão a passar, não para procurar uma solução mágica. Só querem ter alguém que as ouça. Por isso, dá só conselhos se tos pedirem. Muitas vezes a própria pessoa sabe qual a verdadeira solução para o problema, só precisam é de o verbalizar antes de tomar qualquer tipo de decisão. 

5. Sê tu próprio

Se alguem partilha partes da sua vida contigo, é provável que tenha encontrado em ti algo que o agrade! Confia em ti e quer que tu saibas mais sobre ela própria. Por isso, ao mesmo tempo que ouves a outra pessoa, dá e recebe nesta experiência. Nós não sabemos tudo, mas sabemos alguma coisa! Sê autêntico na partilha sobre a tua vida e em receber partes de outras vidas que querem partilhar contigo. Não precisas de fingir que tens tudo controlado para ser um bom ouvinte. Pelo contrário - sê tu próprio! É com essa pessoa que os teus amigos vão querer contar o resto da vida. 

Marcações: Valores, Amizade, Escutar, Amigos

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias