Grammys: a noite em que o rap foi estrela

0
0
1
s2smodern

Ontem à noite decorreu a 61ª edição dos prémios Grammy, que distingue o que de melhor se fez na música no ano que passou.

 

A noite foi dominada por Childish Gambino: o rapper e ator norte-americano levou para casa quatro prémios, para Canção do Ano, Disco do Ano, Melhor Performance Rap/Cantada e Melhor Vídeo, todos eles por 'This Is America'. Gambino foi, ainda, o primeiro rapper a conseguir o título de Canção do Ano - ainda que não tenha estado presente na cerimónia.

Cardi B também fez história: levou para casa o prémio de Melhor Álbum Rap por "Invasion of Privacy", a primeira artista feminina a solo a consegui-lo.

Foi ela a estrela maior de uma noite voltada para as mulheres: Lady Gaga venceu três prémios, dois por 'Shallow' (êxito de "Assim Nasce Uma Estrela") e um por 'Joanne' (do seu último álbum), tal como Brandi Carlile e Kacey Musgraves, que conquistou o título de Álbum do Ano (por "Golden Hour").

St. Vincent venceu dois prémios, Laurie Anderson venceu o seu primeiro Grammy de sempre e Ariana Grande venceu na categoria de Melhor Álbum Pop Vocal - apesar de ter boicotado a cerimónia.

O prémio para Melhor Álbum Alternativo coube a Beck, por "Colors", com o de Melhor Álbum Rock a acabar nas mãos dos Greta Van Fleet e o de Melhor Performance Rock a ser entregue, de forma póstuma, a Chris Cornell - cujos filhos estiveram em palco para o receber.

Aqui vai a lista completa de vencedores:

Álbum do Ano

Kacey Musgraves – Golden Hour

Disco do Ano

Childish Gambino – “This is America”

Canção do Ano

Childish Gambino – “This is America”

Melhor Artista Novo

Dua Lipa

Melhor Performance Pop a Solo

Lady Gaga – “Joanne (Where Do You Think You’re Goin’?)”

Melhor Performance Pop Dueto/Grupo

Lady Gaga & Bradley Cooper – “Shallow”

Melhor Álbum Pop Vocal

Ariana Grande – Sweetener

Melhor Canção - Dança

Silk City & Dua Lipa feat. Diplo and Mark Ronson – “Electricity”

Melhor Álbum - Dança/Eletrónica

Justice – Woman Worldwide

Melhor Performance Rock

Chris Cornell – “When Bad Does Good”

Melhor Canção Rock

St. Vincent – “Masseduction”

Melhor Álbum Rock

Greta Van Fleet – From the Fires

Melhor Álbum - Alternativa

Beck – Colors

Melhor Performance - Heavy Metal

High On Fire – “Electric Messiah”

Melhor Performance - R&B

H.E.R. feat. Daniel Caesar – “Best Part”

Melhor Canção R&B

Ella Mai – “Boo’d Up”

Melhor Álbum - Música Urbana Contemporânea

The Carters (Jay-Z & Beyoncé) – Everything Is Love

Melhor Álbum R&B

H.E.R. – H.E.R.

Melhor Performance Rap

Kendrick Lamar, Jay Rock, Future & James Blake – “King’s Dead”

Melhor Performance Rap/Cantada

Childish Gambino – “This is America”

Melhor Canção Rap

Drake – “God’s Plan”

Melhor Álbum Rap

Cardi B – Invasion of Privacy

Melhor Banda-Sonora Compilada

The Greatest Showman

Melhor Banda-Sonora Original
Black Panther

Melhor Álbum - Comédia

Dave Chappelle – Equanimity & The Bird Revelation

Melhor Álbum - Spoken Word

Jimmy Carter – Faith – A Journey For All

Melhor Canção para Mídia Visual

Lady Gaga & Bradley Cooper – “Shallow”

Produtor do Ano

Pharrell Williams

Melhor Vídeo

Childish Gambino – “This Is America”

Marcações: Música, Grammys, Prémios

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias