Dia de Darwin: Celebrar a Ciência e as suas descobertas

0
0
1
s2smodern

Hoje celebra-se o dia de Darwin como uma forma de celebrar a Ciência e as suas descobertas. A 12 de fevereiro de 1809, nascia o naturalista britânico que chocaria o mundo com a teoria que, dois séculos mais tarde, se tornaria a mais aceite entre os cientistas para explicar alguns fenómenos ligados à evolução dos seres vivos.

Charles Robert Darwin é o autor da chamada Teoria da Evolução. O britânico pertencia à família Darwin-Wedgwood, que fazia parte da elite inteletual da época – o próprio pai de Darwin era médico. Diz-se que desde criança, gostava de colecionar insetos e ovos de pássaros, além de gostar de observar animais como cães e ratos.

Na Universidade de Edimburgo, Darwin estudou Medicina. Darwin foi também pupilo de Robert Edmond Grant, um pioneiro no desenvolvimento das teorias sobre a evolução das chamadas características adquiridas – a ideia do naturalista francês Lamarck, que afirmava que os seres sofrem modificações ao longo da vida, para se adaptarrm ao meio ambiente. Mais tarde, Darwin também acabaria por estudar Teologia, na Universidade de Cambridge – mas preferia passar o  tempo a colecionar e estudar besouros, na companhia de seu primo William Darwin Fox. 

Foi depois de sofrer todas essas influências que Darwin acabou por embarcar no HMS Beagle, na viagem que mudaria a sua vida – e o curso da ciência moderna. Darwin acompanharia Robert FitzRoy, capitão do barco, que partiria numa expedição de dois anos para mapear a costa da América do Sul.

A expedição durou quase cinco anos – desse tempo, Darwin passou cerca de dois terços em terra firme, a estudar fósseis e organismos vivos (muitos deles novos para a ciência).

Grande parte da concepção da teoria de Darwin aconteceu nas ilhas Galápagos, em que o cientista observou como as cotovias diferiam de uma ilha para outra. É possível imaginar que algumas espécies de aves neste arquipélago derivam de um número pequeno de espécies de aves encontradas originalmente e que se modificaram para diferentes finalidades , anotou. 

Austrália foi outro lugar que o intrigou: o rato-canguru e o ornitorrinco, por exemplo, eram animais tão diferentes de tudo o que o naturalista conhecia, que ele chegou a escrever: um incrédulo poderia dizer que, seguramente, dois criadores diferentes estiveram em ação.

darwin 2

A teoria de Darwin, publicada em 1859 no livro A Origem das Espécies, explica a evolução através da seleção natural: indivíduos com características favoráveis viveriam mais e conseguiriam deixar mais descendentes, que acabariam por perpetuar as mesmas características favoráveis – e que, com o passar dos anos, modificariam  permanentemente sua espécie. Ridicularizada por muitos cientistas nos primeiros anos após sua publicação – a revista Hornet publicou uma caricatura que se tornou célebre, mostrando Darwin como um macaco - , a teoria é hoje amplamente aceite, ensinada em escolas e considerada por muitos a explicação oficial  para a origem das espécies de seres vivos. O termo teoria, porém, persiste, uma vez que ainda não foram encontradas provas definitivas e irrefutáveis das ideias de Darwin.

darwin 3

Darwin morreu em 1882, aos 72 anos de idade, ainda ativo e a trabalhar em aspetos mais controversos da sua principal obra. A pedido dos seus colegas cientistas, foi enterrado na abadia de Westminster, próximo a grandes estudiosos, como Isaac Newton, William Herschel e Charles Lyell. 

Marcações: Ciência, Experiências, Animais, Biologia, Espécies

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias

  • Como serão os raios-x de animais?

    Como serão os raios-x de animais?

    As imagens que vais ver a seguir consistem em radiografias que foram feitas pelo pessoal do Jardim Zoológico de Oregon, nos EUA, como parte dos exames de rotina aos animais que lá vivem. Como podes comprovar abaixo, além de reveladores — do ponto de vista científico e veterinário —, as imagens são mesmo fascinantes. 

  • 4 Filmes para veres a 2,50 euros na Festa do Cinema

    4 Filmes para veres a 2,50 euros na Festa do Cinema

    A Festa do Cinema decorre até ao dia 24 de outubro (quarta-feira), com mais de 10 mil sessões em todo o país. Parece muito? Não sabes por onde começar? Nós damos uma ajuda. 

  • Pawel Kuczynski: Ilustrações que desafiam

    Pawel Kuczynski: Ilustrações que desafiam

    As contradições da vida moderna encontram na obra de Pawel Kuczynski um lugar de destaque. Os temas que o artista aborda nos seus desenhos giram em torno da relação da humanidade com o mundo que a cerca — desde o vício das redes sociais às estratégias da TV para fisgar a audiência. 

  • 15 Factos matemáticos divertidos

    15 Factos matemáticos divertidos

    Quem disse que a Matemática é uma seca, não leu este artigo!

  • Filmes que Desafiam:

    Filmes que Desafiam: "Capitão Fantástico"

    O filme desta semana fala-nos da importância da família e da importância que as coisas simples tem na nossa vida. 

  • Sans Forgetica: o novo tipo de letra que ajuda a memorizar o que escreves

    Sans Forgetica: o novo tipo de letra que ajuda a memorizar o que escreves

    Um grupo de investigadores da Universidade de RMIT, na Austrália, criou um tipo de letra – a Sans Forgetica, e garante que a mesma é capaz de aumentar a capacidade de memorização.

  • Quem é que inventou os TPC? São mesmo precisos?

    Quem é que inventou os TPC? São mesmo precisos?

    Não adianta negar: um dos maiores pesadelos dos alunos são os trabalhos de casa. Muitas vezes questionam-se porque é que devem estudar ainda mais do que já estudam na escola, e ainda que esses questionamentos deem lugar à aceitação (ou quase) na adolescência e na fase adulta, a verdade é que sempre temos que rever em casa o conteúdo lecionado durante o dia.

  • As marcas mais poderosas do mundo

    As marcas mais poderosas do mundo

    A Interbrand é uma importante consultora de marcas e todos os anos avalia as marcas mais poderosas. Já é conhecida a lista deste ano, sabes quais são?

  • Porquê adotar um cão?

    Porquê adotar um cão?

    São cada vez mais os adeptos da adoção de cães em vez de compra. Para além de "salvar" a vida do companheiro de 4 patas, o custo é irrisório quando comparado aos preços praticados por lojas de animais. 

  • Escuta, Arrisca e ... Simpatiza!

    Escuta, Arrisca e ... Simpatiza!

    O Evangelho desta semana conta-nos uma história que te deve ser conhecida.

  • #respectbattles - a música como

    #respectbattles - a música como "arma" do respeito

    Podemos não concordar com os pontos de vistam, com as opções de vida que algumas pessoas ao nosso redor tomam. Mas se há algo que é obrigatório (e que vemos a desvanecer-se aos poucos) é o respeito pelo outro. A APAV não ficou indiferente e criou uma campanha original.

  • Os padrões de beleza ao longo do tempo

    Os padrões de beleza ao longo do tempo

    Se há algo muito debatido nos dias de hoje, são as regras de beleza, às quais muitos tentam corresponder. Mas sabias que nem sempre foi assim?