Dia da Internet Segura - A segurança começa em ti!

0
0
1
s2smodern

 Num artigo do jornal Público, Sofia Rasgado fala da missão do Centro de Internet Segura em Portugal (CIS). 

Até aqui, foram trabalhadas questões comportamentais, como os relacionamentos online, a gestão do tempo passado em frente aos ecrãs e a intervenção em casos de cyberbullying, abordando-se ao mesmo tempo questões técnicas, como a otimização dos sistemas operativos e as diferentes plataformas online. Questões como os riscos de se obter “gratuitamente” um software pirateado, que pode reduzir a velocidade do dispositivo e recolher dados sensíveis, ou o cuidado que se deve ter ao registar informações pessoais ou ao realizar uma compra online, ocasiões em que se deve verificar o https antes do endereço da página e optar por pagamentos através de Paypal ou de MB Net, são algumas das recomendações do CIS, explica no artigo de opinião que escreve. 

O CIS lançou uma websérie em 2016 que fala de algumas destas questões típicas do mundo digital - o sexting, o roubo de identidade, o discurso do ódio e a solidariedade intergeracional na utilização da Internet. Esta série ajuda a alertar para os perigos de uma utilização pouco segura da Internet.

O Dia da Internet Segura foi criado para promover o uso ético da rede, ou seja, é muito importante que o uso desta tecnologia siga algumas regras básicas, para que não seja utilizada para fazer o mal ou prejudicar pessoas ou organizações. Começou por ser uma iniciativa da União Europeia, mas devido à grande escala dos crimes realizados digitalmente, vários pontos do mundo aderem a esta iniciativa. 

De facto, todos nós vemos diariamente, exemplo de mau uso da internet, como invasões em sistemas, roubo de senhas e de dados bancários. Mas não são só os hackers que usam a internet para atividades ilícitas. A GNR divulgou alguns dados, no âmbito deste dia - em 2017 foram registados 641 crimes informáticos, menos 370 do que no ano de 2016, pelo que relativamente a outros crimes relacionados com o meio informático, como é o exemplo das 2.293 burlas (menos 878) e das 70 extorsões (menos 28), pode-se constatar uma redução comparativamente ao ano transato.

Mas um dos grandes e maiores problemas do mau uso das redes é o discurso de ódio na internet. A data, este ano com o tema Cria, Liga e Partilha Respeito - uma melhor Internet começa em ti!  pretende lembrar que é muito importante debater com respeito na web. A falsa sensação de anonimato que a internet proporciona, confunde muitas pessoas, que acham que podem falar o que quiserem sobre outras pessoas. E aí aparecem os discursos de ódio.

Se conheces algum dos casos retratados aqui, o CIS pode ajudar-te através da Linha Internet Segura (800 21 90 90) ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.. Podes denunciar conteúdos ilegais, como Materiais de Abuso Sexual de Menores, Apologia à Violência ou ao Racismo através da Linha Alerta (800 200 212) ou em https://linhaalerta.internetsegura.pt; 

Lembra-te: Uma Internet segura começa em ti! 

Marcações: Valores, Internet, Web, Europa, Portugal, Segurança, Computador, Conflitos, Crimes, Smartphone, Rede

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias