I Dia Mundial dos Pobres: Vais ficar de fora? O Papa pediu!

0
0
1
s2smodern

As organizações católicas de solidariedade em Portugal vão assinalar o Dia Mundial dos Pobres no dia 19 de novembro, uma iniciativa proposta pelo Papa Francisco. 

A proposta da Cáritas é que o ponto de encontro seja o Largo da Trindade. Depois, às 11h, na igreja de São Roque, haverá  uma celebração com o bispo António Vitalino, resposnável da Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana. A caminhada segue depois até à Ribeida das Naus.

Na altura em que lançou o desafio, o Papa  explicou na altura que vê isto como a mais digna preparação para bem viver a solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo Rei do Universo, que encerra o ano litúrgico na Igreja Católica, evocando a sua identificação com os mais pequenos e os pobres. Francisco criticou ainda a riqueza descarada de uma minoria de privilegiados que agrava os níveis de pobreza, a nível mundial.

Infelizmente, nos nossos dias - enquanto sobressai cada vez mais a riqueza descarada que se acumula nas mãos de poucos privilegiados, frequentemente acompanhada pela ilegalidade e a exploração ofensiva da dignidade humana, causa escândalo a extensão da pobreza a grandes sectores da sociedade no mundo inteiro, escreve, na mensagem dedicada à celebração do I Dia Mundial dos Pobres. Não podemos resignar, diz Francisco. 

À pobreza que inibe o espírito de iniciativa de tantos jovens, impedindo-os de encontrar um trabalho, à pobreza que anestesia o sentido de responsabilidade, induzindo a preferir a abdicação e a busca de favoritismos, à pobreza que envenena os poços da participação e restringe os espaços do profissionalismo, humilhando assim o mérito de quem trabalha e produz: a tudo isso é preciso responder com uma nova visão da vida e da sociedade.

Como padroeiro deste dia, o Papa Francisco escolheu São Francisco de Assis, por viver na mais genuína pobreza e humildade

Marcações: Pobres, Papa Francisco, Francisco de Assis, Dia Mundial dos Pobres

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias