Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Notice: Trying to access array offset on value of type int in /home/www/html/templates/yoo_bento/warp/src/Warp/Config/Repository.php on line 243

Mas afinal posso comer pão ou não?

0
0
0
s2sdefault

Os médicos ingleses dizem que The Whiter the Bread, the sooner you're dead. Não faltam vozes na Internet que nos digam para deixar de comer pão, com imensos argumentos, mas será que é verdade?

O pão é um dos alimentos mais consumidos pela população mundial, devido à sua conveniência, o preço, o sabor e os valores nutricionais. Existe uma grande variedade de pão, como o integral, pão doce, pão de milho, pão sem fermento, pão de alfarroba... Uma imensidão de produtos , mas qual é a opção mais saudável?
Hidratos de carbono do pão: Bons ou maus?

Os hidratos de carbono dão ao corpo a gasolina que precisamos para o dia. Grande parte da riqueza nutricional do pão está na quantidade de hidratos de carbono que tem.

As escolhas mais saudáveis de hidratos de carbono estão na fruta, vegeitais, feijão e nos grãos minimamente processados. Estes alimentos fornecem também ao nosso organismo vitaminas, minerais e fibras. 

Aquele pão de forma que se compra no supermercado é feito de farinha altamente processada e refinada, com hidratos de carbono simples. Isto significa que são facilmente digeridos pelo teu organismo, sem grandes benefícios. Os hidratos de carbono altamente processados, como o pão branco, massas refinadas, bolos, donuts e algumas bolachas são absorvidos rapidamente e dão uma rápida onda de energia.  Eles fazem com que o açúcar no sangue cresça logo depois de comer e, por falta de fibra, não nos sentimos cheios. Sentimos assim ainda mais vontade de comer, especialmente quando o açúcar no sangue cai.

Então o que devo comer?

Para garantir que tens os nutrientes necessários ao teu crescimento é o consumo de pão feito de farinha pouco refinada. Encontras isto no pão integral, de mistura... Resumindo: quanto mais escuro, melhor!

Ricos em fibra, este tipo de pão ajudam o teu aparelho digestivo a funcionar melhor e a dar-te a energia necessária para fazeres as tuas atividades diárias. Como é feito a partir de farinha pouco refinada, a absorção feita pelo nosso organismo é mais lenta, fazendo com que te sintas ainda mais saciado ao longo do dia. 

Na adolescência, é importante que não prescindas dos nutrientes fornecidos pelo pão, uma vez que são necessários ao teu crescimento. Mesmo se és alérgico ao glúten, hoje tens disponível pão sem glúten, igualmente nutritivo e disponível no supermercado. 

Não deves no entanto, comer mais do que um pão por dia. Opta por outros alimentos que forneçam os mesmos nutrientes, como uma peça de fruta ou então uma boa salada a acompanhar o almoço. 

 

 

Marcações: Saúde , Corpo, Alimentação, Adolescência, Pão, Digestão, Nutrientes, Vitaminas

0
0
0
s2sdefault

Últimas Notícias

  • Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    Sexta-Feira Santa: O dia do silêncio

    A celebração de Sexta-Feira Santa é a mais original de todas as da Liturgia romana: Não há eucaristia. O silêncio, o jejum, a oração, as devoções tradicionais, sobretudo as que ajudam a meditar e orar o mistério da cruz, elemento central deste dia ... 

  • Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Quinta-Feira Santa: A melhor lição de Jesus

    Com a missa da Ceia do Senhor começa o Tríduo Pascal da morte, sepultura e ressurreição do Senhor. São João dá-nos a chave de tudo o que vivemos: "Amou-nos até ao extremo". 

  • Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    Nos passos de Jesus: A fome no mundo

    A nossa proposta de reflexão de hoje centra-se nas milhares de pessoas que passam fome no mundo. Hoje propomos-te os números da fome no mundo. O que podemos nós fazer para inverter esta situação? 

  • O meu pai é o melhor do mundo!

    O meu pai é o melhor do mundo!

    É a maior frase feita do mundo, já sabemos. Infelizmente, contudo, nem toda a gente tem a felicidade de ter um pai tão fixe como os nossos. É por isso que hoje decidimos agradecer a todos os pais fixes do mundo. 

  • Como lidar com

    Como lidar com "bullies"?

    Se estás a ser vítima de "bullying", há muito que podes fazer. Enquanto táticas diferentes funcionam para pessoas diferentes, lembra-te que nunca estás sozinho.

  • Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos passos de Jesus: A vida no Hospital

    Nos hospitais também há crianças e adolescentes. Os acidentes ou as doenças não escolhem idades. Vale a pena dialogar acerca do que é a vida no hospital.

  • Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Imigrantes: o que posso aprender com eles?

    Portugal tem sido um país de acolhimento de variadas culturas. Motivações económicas e políticas são as principais causas para muitas pessoas largarem aquilo que conhecem como casa, como lar. O que podemos aprender com estas histórias de vida?

  • 5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    5 factos sobre o Dia Internacional da Mulher

    Há mais de 100 anos que o dia 8 de março ficou conhecido como o Dia Internacional da Mulher. Ainda que tenha diferentes significados em vários pontos do globo, hoje é preciso fazer mais do que publicar uma foto com uma hashtag catita.

  • Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Nos passos de Jesus: perseguidos pela fé

    Segundo o relatório sobre a Liberdade Religiosa no mundo, a Fundação da Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), 20% dos países do mundo não respeitam a liberdade religiosa.

  • O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    O meu amigo está a experimentar drogas, o que posso fazer?

    Hoje a nossa proposta de reflexão é a da liberdade dos vícios. São situações muito difíceis de gerir e às quais temos de ter um grande nível de empatia e compreensão. 

  • Sábado Santo: O dia do

    Sábado Santo: O dia do "nada"

    A celebração de Sábado Santo consiste em não ter celebrações. 

  • Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Nos passos de Jesus: O que posso fazer pelos refugiados?

    Segundo dados do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, no final de 2017, estavam deslocadas contra a sua vontade 68,5 milhões de pessoas em todo o mundo, em resultado de guerras, conflitos armados ou violação dos direitos humanos.