Meus queridos avós

0
0
1
s2smodern

Na atualidade, quase todos temos avós com muita vitalidade. Vivam eles em nessa casa ou na sua, os avós merecem que falemos deles.

Quando se é criança, os avós estão ao lado dos seus pequenos netos para brincar com eles, para os ajudar e, eventualmente, para enxurgar alguma lágrima, fruto de algum conflito com os pais ou irmãos mais velhos. Quando se chega à adolescência os netos já gostam de ser tratados como crianças. Contudo, os avós continuam a ser importantes. Como disse alguém, eles continuam a ser ilhas  ternura e de felicidade ao abrigo das tempestades ao longo da nossa vida

Necessitamos deles

Os adolescentes necessitam deles. Pela sua experiência de vida, sentem-se geralmente mais à vontade com eles do que com os pais. Estando fora do núcleo familiar -pais e filhos- é possível certamente uma comunicação mais verdadeira e mais afectiva com os avós. Há coisas que se lhes podem dizer mas que se ocultam aos pais. Além disso, os avós têm mais tempo para escutar os netos. Enquanto os pais andam atarefados no trabalho, os avós, pelo menos muitos deles, têm mais tempo livre. E, de facto, os adolescentes necessitam muito de alguém que lhes dê afecto, os escute e lhes diga uma palavra amiga. É evidente que, atualmente, cada famíia vive uma situação particular. Há as famílias monoparentais, onde só está o pai ou a mãe, por causa do divórcio ou outras razões; há as famílias onde os avós ainda têm lugar. Há ainda quem viva apenas com o avô ou o avó. Seja como for, a sua presença é importante, Por exemplo, para servirem de intermédios quando se trata de fazer as pazes. Serão eles a desdramatizar os conflitos, mas sem nunca porem em causa a autoridade dos pais. 

Necessitam de nós

Se é verdade que os netos necessitam dos avós também estes precisam dos netos. Certamente que já presenciámos como há avôs e avós que vivem numa amarga solidão. Embora não sendo abandonados pelos filhos, a realidade é que muitos deles aguardam ansiosos que chegue o fim de semana, para se encontrarem com familiares. Os netos têm uma bela missão a cumprir: visitar os seus avós, escutar as suas histórias, levar-lhes o dom da alegria.

Será que os netos de hoje conseguem dedicar algum do seu tempo livre a estar com eles, ajudando-os no jardim, ensinando-lhes a utilizar o computador e a navegar na Internet?. Os avós temem a solidão. Serão os netos a tornar possível que o seu sorriso não murche, as suas rugas não aumentem, a sua alegria de viver seja grande. É dando que se recebe.

Manifestações de afeto

Para concluir, sugerimos algumas atitudes:

  • Não esquecer o dia de anos dos avós e felicitá-los.
  • Enviar-lhes um postal por ocasião de uma viagem.
  • Teleforna-lhes pelo menos uma vez ao mês para os saudar.
  • Quando se estás com eles, tirar fotografias e oferecer-lhas.
  • Não esquecer que o Dia Mundial dos Avós é a 26 de Julho.

Marcações: Família, Avós

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias

  • Premios Sophia: O melhor da cultura portuguesa que deves conhecer!

    Premios Sophia: O melhor da cultura portuguesa que deves conhecer!

    A longa-metragem de Sérgio Tréfaut, que adapta o romance 'Seara de Vento', de Manuel da Fonseca,ganhou onten seis prémios Sophia, entre os quais o de melhor atriz principal, Isabel Ruth, melhor ator principal, Hugo Bentes, melhor ator secundário, Adriano Luz, e melhor fotografia, Acácio de Almeida.

  • "Once Upon a Time in Hollywood": o filme que junta Leonardo Di Caprio e Brad Pitt

    Se 2019 já se revelava um bom ano para o cinema, há mais um que temos de colocar na lista! Once Upon a Time in Hollywood , com dois dos mais conhecidos atores de Hollywood e realizado por Quentin Tarantino.

  • Escuta, Arrisca e Vive a Quaresma | Domingo III da Quaresma

    Escuta, Arrisca e Vive a Quaresma | Domingo III da Quaresma

    Jesus conta agora uma parábola. A figueira é uma das plantas mais comuns e generosas da Palestina. Geralmente é plantada no meio das vinhas e produz fruto sem cessar. O dono da vinha procura fruto, mas nada encontra.

  • Moçambique: Como posso ajudar?

    Moçambique: Como posso ajudar?

    A passagem do ciclone Idai pelo centro de Moçambique, e as cheias que se seguiram, deixaram um rasto de destruição que provocou mais de 200 mortos. De organizações a clubes de futebol, há muitas formas de poder ajudar. Fica a conhecer algumas.

  • Quaresma - Só mais um esforço!

    Quaresma - Só mais um esforço!

    Para viver melhor a Quaresma como tempo de conversão, mais orientado para Deus e assim experimentar uma relação mais próxima com Ele, depois do Jejum e da esmola, a Igreja diz-nos que neste tempo devemos cultivar outra atitude fundamental dos cristãos: a oração!

  • 4 filmes para ver no Dia do Pai

    4 filmes para ver no Dia do Pai

    No Dia do Pai, nada melhor que um "serão cinematográfico" para celebrar todo o amor que recebes do teu pai. Deixamos-te algumas sugestões de filmes para veres neste dia especial.

  • Mindfulness: Como é que nos pode ajudar na escola?

    Mindfulness: Como é que nos pode ajudar na escola?

    Já muito se diz sobre o quão acelerados são os tempos em que vivemos. Além da distração,os mesmos aumentam os níveis de stress e ansiedade. Neste sentido, investigadores do Reino Unido debruçaram-se sobre como a meditação e o mindfulness pode contornar estes sintomas.

  • Escuta, Arrisca e Vive a Quaresma! | Domingo II da Quaresma

    Escuta, Arrisca e Vive a Quaresma! | Domingo II da Quaresma

    Depois de ter anunciado o Evangelho na Galileia, Jesus vai a caminho de Jerusalém. Como preparação para esta nova etapa da sua vida, começa a rezar. Sobe a um monte, o lugar de encontro com Deus. Leva consigo os seus discípulos de mais confiança: Pedro, João e Tiago.

  • As cores da Quaresma

    As cores da Quaresma

    Na quaresma a cor litúrgica predominante é o roxo. Mas também se usa o rosa. E porque é que nas festas se usa o branco? Quantas cores há na liturgia afinal?

  • Síndrome do pensamento acelerado: será que o tens?

    Síndrome do pensamento acelerado: será que o tens?

    Provavelmente já ouviste alguma pessoa mais velha da tua família a começar uma frase com a expressão “No meu tempo..." Este padrão nostálgico tem a ver com o facto de que tudo, tudo mesmo, muda a uma velocidade absurda. Queres um exemplo? As pessoas nascidas nos anos 80 ou antes disso têm lembranças nítidas de como era a vida sem internet, sem redes sociais e, inclusive, sem telemóvel.

  • Quaresma - dar a vida em esmola

    Quaresma - dar a vida em esmola

    Depois de termos aprofundado o sentido do jejum hoje falamos sobre a segunda “arma” que a Igreja nos aconselha para vencer o pecado neste tempo da quaresma: a esmola.

  • Moda: cada vez mais pessoas escolhem marcas amigas do ambiente

    Moda: cada vez mais pessoas escolhem marcas amigas do ambiente

    Não é segredo nenhum que a indústria da moda é a que mais contribui para a poluição do nosso planeta. Entre aterros acumulados com roupas deitadas fora, toneladas de água desperdiçada usadas para tingir tecidos todos os dias e microfibras prejudiciais que são colocadas nos oceanos, a necessidade de grandes mudanças nunca foi tão grande.