Pensas verde?

0
0
1
s2smodern

O ambiente está na moda. Green e eco-friendly são termos que andam a vaguear pelas redes sociais, muitas vezes coladas a #. Isto de ser amigo do ambiente, fazer a reciclagem, não desperdiçar água ou tentar não abusar dos combustíveis fósseis é um assunto que já conheces e que até talvez te diga alguma coisa. Pois é, se tu fazes a tua parte ainda bem! Se não a fazes, talvez seja altura de começares.

 

A questão está exatamente aí! Cada um deve fazer a sua parte!

Há uns dias atrás deves ter ouvido comentar que os EUA na figura do seu muito conhecido presidente Donald Trump decidiram abandonar o Acordo de Paris. Mas o que é essa cena do Acordo de Paris?  - perguntas tu e muito bem. Muito rapidamente podes perceber que é um acordo que tem como principal objectivo conter o aquecimento global desta casa comum a que chamamos Terra, reduzindo a emissão de gases com efeito de estufa. Foi nada mais nada menos que aprovado por 195 países.

Já deves ter ouvido o Papa Francisco dizer que o bem-estar da casa comum deve ser um desejo de todos, pois todos usufruímos dela. Mas parece que neste caso alguém olhou mais para o seu umbigo que para o bem de toda a humanidade. Ah mas deve haver uma boa justificação para isso - estás tu ai a pensar. Não sei se será boa ou má mas a que o Sr. Trump deu foi a seguinte “para proteger a América e os seus cidadãos e pôr os trabalhadores americanos em primeiro lugar”.

Ok, tens os factos na mão. E que te interessa isto agora? Bom, talvez o futuro te interesse e conseguir usufruir de um clima estável e previsível também seja um bom sonho para o teu futuro. Além do mais, dizem os entendidos que qualquer alteração de décimas de grau na temperatura média poderá ter consequências que nem imaginamos. Tu percebes bem isto. O problema é que há quem pareça não entender…

Há algo mais por detrás disto, que nos faz pensar: como pode um condicionar o futuro de todos? Será razoável dizer que não faz muito sentido. Para um jovem de 2017, rodeado de informação, isto vai contra grande parte daquilo que aprendeste e que chamas de razoável. Imagina que uma situação idêntica acontecia no teu grupo de amigos, todos tinham feito um acordo tendo em vista um objetivo comum: irem de férias juntos. Até que passadas algumas semanas, quando já todos andaram a reunir o dinheiro suficiente para cobrir a sua parte, deixando de ir àquele jogo de futebol ou festa de aniversário, um dos teus amigos desiste pois prefere comprar um novo computador com o dinheiro que juntou. Põe assim em risco o objectivo que juntos traçaram. Ficarias no mínimo a olhá-lo de lado, já para não falar que todas as próximas vezes que o quisesses incluir em planos para combinar alguma coisa ficarias de pé atrás não fosse ele dar o fora quando já estava tudo combinado.

Entre países pode ser mais ou menos como no teu grupo de amigos: há os que confiam e em quem podes confiar e há outros que nem sempre confiam e nos quais tens algumas dúvidas em confiar. Tu até podes dar o benefício da dúvida mas será que a nossa casa comum o fará?

Deixo-te com um vídeo da WWF do Brasil sobre este tema, para também percebermos a importância do Acordo de Paris:

Marcações: Valores, EUA , Ambiente, Acordo de Paris, Donald Trump, Reciclagem , Alterações Climáticas

0
0
1
s2smodern

Últimas Notícias