O que se passa em Hong Kong?

0
0
0
s2sdefault

Desde junho que a cidade de Hong Kong se encontra num reboliço. Novas leis obre a extradição de prisioneiros tem levado milhares de pessoas à rua. Mas qual é a origem disto tudo? 

Antes de mais, um pequeno contexto:

História de Hong Kong

 

No restante território chinês, neste momento, vigora um regime ditatorial, em que os líderes não são eleitos por sufrágio universal, não existe liberdade e/ou igualdade de género, assim como qualquer outro tipo de direitos universais que nós conhecemos. 

Os manifestantes criaram um movimento civil - movimento Umbrella (os manifestantes usam guarda-chuva para fugir do gás pimenta da polícia) - para se manifestar contra a lei chinesa que, em 2015, condenou e extraditou 99.9% dos condenados em tribunal. O que começou por uma manifestação estudantil, em 2015, tem evoluído até quilómetros de protestos. (sim, quilómetros!!)

Mas há outras questões em jogo. 

Os manifestantes acreditam que o seu líder devia ser eleito de uma forma mais democrática, refletindo a preferência dos eleitores.

Quem é que está a protestar?

Uma grande parte da sociedade, incluindo advogados, jornalistas, ativistas e figuras de negócios. Os ativistas dizem que não vão parar até que os direitos fundamentais estejam estabelecidos na cidade. 

Para que isso seja possível, a principal exigência é que a líder de Hong Kong, Carrie Lam, se demita, assim como se amnistie os condenados de Hong Kong. Carrie Lam foi eleita por um circuito eleitoral de 1200 membros, composto maioritariamente por defensores da inclusão chinesa. 

Nas ruas, desde o início deste mês que os manifestantes anti-governo se vestem de preto e foram até ao aeroporto de Hong Kong para chamar à atenção internacional. Os ativistas dizem parar com as manifestações quando for garantido um acordo de amnistia para os presos políticos. 

Marcações: Política, China, Hong Kong

0
0
0
s2sdefault

Últimas Notícias

  • Gustavo Carona:

    Gustavo Carona: "O mundo precisa saber" que há um mundo por mudar

    Gustavo Carona é médico anestesista português. Com 39 anos, já esteve em mais de 10 missões humanitárias em todo o mundo, desde o Congo ao Afeganistão, Iémen ou Síria. "Não poso salvar o mundo, mas posso ser feliz a tentar", é o que nos diz num livro sobre algumas das suas aventuras. 

  • Final do ano: decisões e prioridades

    Final do ano: decisões e prioridades

    Estamos no último mês do ano. Começam-se a preparar as malas para a viagem de um novo ano, novinho em folha... Ou novinho na agenda do telemóvel. 

  • Asia Bibi: A coragem de acreditar!

    Asia Bibi: A coragem de acreditar!

    Em 2010, Asia Bibi foi condenada à morte por alegadamente ter insultado o profeta Maomé e o Islão durante uma discussão com colegas de trabalho; depois de passar nove anos numa solitária, a jovem acabou por ser posta em liberdade e mudou-se para o Canadá. 

  • Harry Styles: Já conheces a ilha de

    Harry Styles: Já conheces a ilha de "Edora"?

    Harry Styles tem neste momento uma campanha de marketing incrível, com vídeos, mensagens e músicas em toda a internet. A mais recente novidade é a da olha de "Eroda" ao largo da costa inglesa.

  • Escuta. Arrisca e Vive o Advento! | Domingo II (ANO A)

    Escuta. Arrisca e Vive o Advento! | Domingo II (ANO A)

    No segundo domingo do Advento, olhamos para Maria, uma jovem mulher visitada por um Anjo de Deus. Ainda que seja igual a nós, Maria é especial – está orientada para Deus e possui uma força maior que a nossa para saber distinguir o bem do mal. 

  • Sophie Cruz: Construir famílias e não muros

    Sophie Cruz: Construir famílias e não muros

    Sophie Cruz é dada a conhecer ao mundo em 2015, quando na visita do Papa aos EUA, a pequenina corre para lhe dar um abraço. Entrega-lhe também uma carta sobre a história dos seus pais, imigrantes mexicanos à procura de lgalizar a sua situação.

  • Beato Pier Giorgio Frassatti: Sempre em

    Beato Pier Giorgio Frassatti: Sempre em "direção ao Alto"

    Pier Giorgio nasceu no seio de uma família muito rica, a 6 de abril de 1901. Filho do fundador do jornal La Stampa e de uma virtuosa pintora, foi com a mãe que Pier Giorgio absorveu o testemunho de fé e bons valores. 

  • Kay: a importância de cuidarmos de nós próprios.

    Kay: a importância de cuidarmos de nós próprios.

    Karolina é uma jovem polaca que vive atualmente em Inglaterra. Tem 26 anos, mas aos 13 começou um blog que mudou a sua vida. 

  • Músicas que desafiam:

    Músicas que desafiam: "Broken" dos Coldplay

    Nesta altura natalícia as rádios e plataformas de streaming tem sempre aquele conjunto de músicas habituais para esta época. Podemos hoje sugerir mais uma para a tua "playlist"?

  • Irmão Roger: um

    Irmão Roger: um "ponto de luz" num mundo em discórdia

    A vida do irmão Roger mistura-se com a história da própria comunidade de Taizé. 

  • Todos os amigos são eternos!

    Todos os amigos são eternos!

    Quantos amigos tens? Aqueles mesmo de confiança ... Um? Dois? Dez? Cada um tem uma relação diferente com os seus amigos: alguns fazem amigos todas as semanas,enquanto outros preservam as amizades de longa data e são mais reservados.

  • Bana Alabed:

    Bana Alabed: "Querido mundo, esta é a minha história"

    O testemunho de hoje chega-nos da Síria. Com apenas 7 anos, Bana Alabed criou uma conta Twitter com a ajuda da mãe, como uma forma de dar a conhecer a situação do seu país.